“O Norte Somos Nós” destaca a Rota do Românico

O projeto histórico e cultural do Tâmega e Sousa foi reconhecido como um “Emblema Regional”, no âmbito dos prémios “O Norte Somos Nós”, promovidos pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte e pelo Jornal de Notícias. Segundo uma nota de imprensa da Rota, o reconhecimento releva o trabalho realizado no âmbito da conservação e valorização patrimoniais, uma temática que já lhe valeu outros prémios.

Enquanto a Rota do Românico e os restantes “Emblemas Regionais”, pelo mérito, não estão sujeitos a votação do público nestes prémios, os projetos “Internacionalização da Lambda” e “Centro Escolar de Santa Marinha do Zêzere”, localizados no território de influência da Rota, disputam a preferência do público, através da votação online até ao próximo dia 24 de novembro. A Lambda, marca de sapatos de golfe sediada em Lousada, é finalista na categoria “Competitividade” e o projeto de requalificação do Centro Escolar de Santa Marinha do Zêzere, em Baião, concorre na categoria “Qualificação”.

Para além dos 21 projetos finalistas, repartidos em sete categorias, a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N) e o Jornal de Notícias, enquanto entidades organizadoras desta iniciativa, vão distinguir também pessoas e instituições cujo trabalho já foi validado publicamente com a atribuição de prémios ou com investimentos replicados noutras regiões europeias.

As distinções servem para divulgar o contributo da aplicação dos fundos da União Europeia no desenvolvimento da Região do Norte, dando visibilidade pública a pessoas e instituições associadas a projetos inovadores e dotados de elevado efeito demonstrativo. A concurso estão os projetos apoiados pelo “ON.2 – O Novo Norte” no anterior ciclo comunitário – QREN – Quadro de Referência Estratégico Nacional, que vigorou entre 2007 e 2013.

A gala de entrega dos prémios “O Norte Somos Nós” vai realizar-se no dia 30 de novembro, quinta-feira, a partir das 21 horas, no museu do carro elétrico, no Porto. (foto: Igreja de Santa Maria Maior, em Tarouquela, Cinfães – um dos monumentos da Rota do Românico)

Siga-nos