Armando Mourisco assume presidência da CIM-Tâmega e Sousa

O autarca de Cinfães foi eleito, ontem, presidente da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa (CIM-TS). Armando Mourisco assume a presidência do organismo regional que tem por objetivo a promoção o planeamento e a gestão da estratégia de desenvolvimento económico, social e ambiental do seu território composto por 11 municípios. À Comunidade cabe a articulação de investimentos municipais de interesse intermunicipal a participação na gestão de programas de apoio ao desenvolvimento regional, designadamente no âmbito do Portugal 2020; e o planeamento das atuações de entidades públicas, de caráter supramunicipal. Armando Mourisco tem como vice-presidentes Gonçalo Rocha, presidente da Câmara de Castelo de Paiva e Pedro Machado, presidente da Câmara de Lousada.

O papel do organismo intermunicipal é também o de garantir a articulação das atuações entre os municípios e os serviços da Administração Central, em diversas áreas, tais como: Redes de abastecimento público, infraestruturas de saneamento básico, tratamento de águas residuais e resíduos urbanos; rede de equipamentos de saúde; rede educativa e de formação profissional; ordenamento do território, conservação da natureza e recursos naturais; segurança e proteção civil; mobilidade e transportes; redes de equipamentos públicos; promoção do desenvolvimento económico, social e cultural; e rede de equipamentos culturais, desportivos e de lazer.

A CIM-TS, com sede em Penafiel, representa cerca de 450 mil habitantes e integra os municípios de Amarante, Baião, Castelo de Paiva, Celorico de Basto, Cinfães, Felgueiras, Lousada, Marco de Canaveses, Paços de Ferreira, Penafiel e Resende.

Siga-nos