Limpeza das matas: Governo alarga prazo até junho

O primeiro-ministro anunciou, esta manhã, em Lisboa, num encontro com autarcas, que não serão cobradas multas a quem não efetuar a limpeza dos terrenos até ao dia hoje, data em que termina o prazo dado aos proprietários para concluírem os trabalhos. António Costa garantiu que as penalizações a quem não cumprir a lei só serão aplicadas a partir de junho e que o Governo vai aprovar, esta quinta-feira, um decreto-lei nesse sentido.

Após o encontro com representantes das autarquias onde foi discutido o processo da limpeza das matas, António Costa referiu que a GNR vai começar, no final do mês, a levantar autos sobre terrenos ainda não limpos, mas sublinhou que este processo “não é uma caça à multa” e que as autoridades continuarão a sua ação pedagógica e de esclarecimento. (anexo audio – primeiro-ministro)

Siga-nos