Comemorações da semana da formação financeira em Baião juntou utentes seniores

As comemorações da “Semana da Formação Financeira 2019” em Baião, levaram a cabo várias ações de sensibilização, entre elas uma ação de sensibilização e informação junto dos utentes Seniores dos Centros de Relação Comunitária de Viariz e de Tesouras, intitulada “Poupe-se e Aprenda a Poupar: Dicas”.

O objetivo desta ação foi “Fornecer dicas para uma melhor gestão do orçamento familiar, prevenção e formas de resolução de eventuais incumprimentos”. Inserido no âmbito do Plano Nacional de Formação Financeira “Todos Contam”, resultante de um acordo de cooperação entre a Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa (CIM-TS), o Conselho Nacional de Supervisores Financeiros (Banco de Portugal, Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões e Comissão do Mercado de Valores Mobiliários) e a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, este é um projeto pioneiro, que tem como objetivo e segundo comunicado da Câmara Municipal de Baião, “reforçar o papel das Autarquias na formação financeira dos munícipes, contribuindo, assim, para elevar os conhecimentos financeiros das suas populações, melhorar os seus comportamentos e promover a adoção de atitudes financeiras adequadas”.

José Pinho Silva, vereador do pelouro dos Assuntos Sociais da Câmara Municipal de Baião, juntou-se às sessões acompanhado por elementos do Conselho Nacional de Supervisores Financeiros do Banco de Portugal, Helena Marques, Manuela Barreto e Ana Azevedo, e da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDRN), Natália Gravato.

Pinho Silva esclareceu que “atendendo à população Sénior em causa, à sua experiência de vida e sabedoria nestas temáticas da Poupança, o objetivo não foi ensinar a gerir melhor o orçamento familiar, mas sim informar dos vários direitos sociais a que poderão aceder e que lhes permitirão poupar em algumas despesas”.  A título de exemplo, foram abordados nas sessões assuntos como a prestação do Complemento Solidário para Idosos, do Atestado Médico de Incapacidade Multiuso, da Tarifa Social de água e de Eletricidade, da prevenção de Incumprimentos e Fraudes nas principais despesas familiares e das Contas de Serviços Mínimos Bancários.

O Vereador do Pelouro dos Assuntos Sociais, Pinho Silva, aproveitou a sessão, para falar em alguns “recursos de apoio que se podem traduzir também  em grandes auxílios  para melhor ajudar a equilibrar o orçamento familiar, em caso de necessidades especificas, como sejam a Loja Social, Programa Fundo Social de Baião, a Linha Amiga e o Programa Via verde Família.  Da mesma forma o Centro de Informação e Apoio ao Consumidor do município do município tem as portas abertas para auxiliar os cidadãos na resolução de conflitos de consumo”, que o município tem vindo a desenvolver.

Siga-nos