Autarquia do Marco de Canaveses quer criar espaço com corredor sombra no Parque Fluvial do Tâmega

Ouvir a Notícia

O Parque Fluvial do Tâmega em Marco de Canaveses, conta agora com novas estruturas metálicas ramificadas de arame, para que a planta definida, “Trachelospermum jasminoides”, nome comum «Jasmim-estrelado», percorra toda a estrutura.

Segundo a autarquia marcuense, as mesmas vão permitir “aos utilizadores do Parque Fluvial do Tâmega usufruírem de um espaço que funcionará como corredor de sombra”, salientando também o facto que do “ponto de vista estético, estes planos suspensos podem contribuir para uma melhor aparência do local, criando um efeito de sombras interessantes padronizadas no chão”.