Castro Daire – Mulher de 80 anos identificada por incêndio florestal

Ouvir a Notícia

Uma mulher de 80 anos, foi identificada por ter ateado fogo no concelho de Castro Daire.

A presumível autora, foi identificada após a “realização de diligências no âmbito da investigação de um incêndio florestal ocorrido no dia 15 de janeiro, foi possível identificar a sua autora, apurando-se que o incêndio teve origem na realização de queimas para eliminação de sobrantes florestais”.

O incêndio consumiu uma área de, aproximadamente, 1500 m2 de pinhal, colocando em perigo uma vasta mancha florestal de pinhal, habitações e indústrias.

A suspeita foi constituída arguida, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Castro Daire. Esta foi uma investigação do Comando Territorial de Viseu, através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Viseu