87.8 e 88.5


















FM

O vinho “Pecado Capital Alvarinho e Avesso Premium 2020” é o grande vencedor do XXIII Concurso de Vinhos de Marco de Canaveses (C/Áudio)

Ouvir a Notícia

Realizou-se durante a tarde desta sexta-feira, dia 16 de julho, a XXIII edição do Concurso de Vinhos de Marco de Canaveses. Estavam inscritos nesta edição 27 vinhos, numa única categoria que engloba brancos, rosés e tintos, de colheitas entre 2017 e 2020. Os vinhos foram avaliados por um painel de jurados de diversas regiões de Portugal – Verdes, Douro, Beira Interior, Bairrada, Távora Varosa e Tejo .


O Vice-Presidente da Câmara Municipal de Marco de Canaveses, Mário Bruno Magalhães, destaca a importância deste concurso na valorização dos vinhos marcuenses.

A aposta nos produtos vitivinícolas de Marco de Canaveses é uma das bandeiras do executivo, e o vice-presidente Mário Bruno Magalhães, destaca a criação futura Casa dos Vinhos na Casa dos Arcos.

 

O Vice-Presidente da autarquia marcuense realça ainda a aposta em vinhas experimentais na futura Casa dos Vinhos.

Mário Bruno Magalhães lamenta as dificuldades sentidas pelos produtores de vinho do concelho, devido às restrições da pandemia, que significou uma diminuição de vendas para restauração, no entanto, destaca o aumento de exportações dos vinhos marcuenses para fora de Portugal.

Declarações do Vice-Presidente da Câmara Municipal de Marco de Canaveses, Mário Bruno Magalhães, durante a XXIII edição do Concurso de Vinhos de Marco de Canaveses.

O vinho “Pecado Capital Alvarinho e Avesso Premium 2020”, produzido por José Armindo Ferraz, foi o vencedor da Grande Medalha de Ouro sendo que o “Pecado Capital Branco 2020” venceu também uma medalha de ouro. Os vinhos “Besta Branco 2020”, “Quinta do Beiral Rosé 2020” e “EPAMAC Branco 2020” receberam as medalhas de prata. E a medalha de bronze, ficou com o vinho “Chapeleiro Escolha Arinto e Loureiro Branco 2020”.