CENSOS 2021: A região do Tâmega e Sousa perdeu um total de 24 037 habitantes desde 2011

Ouvir a Notícia

Foram lançados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), os dados preliminares do recenseamento nacional 2021 (CENSOS 2021). Os dados apresentados mostram a primeira vez desde 1970 que o país perde população entre recenseamentos, sendo que há menos 2% de população em Portugal, comparativamente com 2011 para um total de 10 347 892 residentes. O CENSOS 2021 também mostra que quase todo o interior do país perdeu população, com 50% da população nacional concentrada em 31 concelhos de Lisboa e Porto.

As mulheres representam a maioria da população, correspondendo a 52% dos residentes em Portugal.

A fase de recolha dos Censos 2021, que foi realizada por cerca de 15 mil pessoas, decorreu entre 5 de abril e 31 de maio, sendo que, segundo o INE,  99,3% das respostas da população chegaram por via digital.

Na região do Tâmega e Sousa, todos os concelhos perderam população comparativamente a 2011, com a exceção de Lousada, seguindo a linha do restante interior do país. Os três concelhos onde se verificou uma queda mais acentuada foram Baião (-14,6%), Cinfães (-13,1%) e Celorico de Basto (-12,1%).

Números dos concelhos da região do Tâmega e Sousa:

  • Amarante: CENSOS 2021: 52 131 habitantes——————————— CENSOS 2011:: 56 264 habitantes – Corresponde a uma variação de -7,3%

Mulheres: 27 406 habitantes;

Homens: 24 725 habitantes;

  • Baião: CENSOS 2021: 17 527 habitantes————————————— CENSOS 2011:: 20 522 habitantes – Corresponde a uma variação de – 14,6%

Mulheres: 9 226 habitantes;

Homens: 8 301 habitantes;

  • Castelo de Paiva: CENSOS 2021: 15 597 habitantes————————- CENSOS 2011: 16 733 habitantes – Corresponde a uma variação de -6,8%

Mulheres: 8 062 habitantes;

Homens: 7 535 habitantes;

  • Celorico de Basto: CENSOS 2021: 17 666 habitantes———————– CENSOS 2011: 20 098 habitantes – Corresponde a uma variação de -12,1%

Mulheres: 9 256 habitantes;

Homens: 8 410 habitantes;

  • Cinfães: CENSOS 2021: 17 747 habitantes————————————– CENSOS 2011: 20 427 habitantes – Corresponde a uma variação de -13,1%

Mulheres: 9 144 habitantes;

Homens: 8 603 habitantes;

  • Felgueiras: CENSOS 2021: 55 883 habitantes——————————— CENSOS 2011: 58 065 habitantes – Corresponde a uma variação de – 3,8%

Mulheres: 28 960 habitantes;

Homens: 26 923 habitantes;

  • Lousada: CENSOS 2021: 47 401 habitantes———————————— CENSOS 2011: 47 387 habitantes – Corresponde a uma variação de 0%

Mulheres: 24 511 habitantes;

Homens: 22 890 habitantes;

  • Marco de Canaveses: CENSOS 2021: 49 563 habitantes——————– CENSOS 2011: 53 450 – Corresponde a uma variação de – 7,3%

Mulheres: 25 799 habitantes;

Homens: 23 764 habitantes;

  • Paços de Ferreira: CENSOS 2021: 55 623 habitantes———————— CENSOS 2011: 56 340 habitantes – Corresponde a uma variação de -1,3%

Mulheres: 28 261 habitantes;

Homens: 27 362 habitantes;

  • Penafiel: CENSOS 2021: 69 687 habitantes————————————- CENSOS 2011: 72 265 habitantes – Corresponde a uma variação de – 3,6%

Mulheres: 36 240 habitantes;

Homens: 33 447 habitantes;

  • Resende: CENSOS 2021: 10 053 habitantes————————————- CENSOS 2011: 11 364 habitantes – Corresponde a uma variação de -11,5

 

No total, a região do Tâmega e Sousa passou de 432 915 habitantes em 2011, para 408 878 no CENSOS 2021, menos 24 037 habitantes, que equivale a uma redução de 5,6%. Desta população do Tâmega e Sousa, 212 025 são mulheres, e 196 853 são homens.

Apesar da redução populacional, há um aumento nos agregados familiares de 3%, para um total de 148 354 agregados, a par de um aumento do número de alojamentos em 4,3%, que corresponde a um total de 203 782. O número de edifícios também aumentou em 3,3%, para um total de 162 442 edifícios.

 

Pode aceder aos dados preliminares do CENSOS 2021 através do seguinte link: https://censos.ine.pt/scripts/db_censos_2021.html