Marco de Canaveses – Homem de 30 anos com pulseira eletrónica por violência doméstica

Ouvir a Notícia

Um homem de 30 anos, foi detido ontem por violência doméstica, no concelho de Marco de Canaveses.

A detenção ocorreu no âmbito  de uma investigação por violência doméstica, sendo que os militares da Guarda Nacional Republicana (GNR) apuraram que o suspeito, desde o início deste ano, infligia maus-tratos físicos e psicológicos à vítima, sua esposa de 28 anos, bem como à sua filha de cinco anos. Perante o escalar da violência física e emocional, foi o suspeito detido.

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial ontem, dia 28 de julho, no Tribunal de Instrução Criminal de Penafiel, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de impedimento de contactos com a vítima e filha, imposição de abandonar a residência, controlado por pulseira eletrónica.

Esta foi uma investigação do Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Penafiel.