Procurar
Close this search box.

87.8 e 88.5


















FM

O Município de Baião reuniu com a ANACOM para reivindicar melhorias nas redes de telecomunicações do concelho

O Município de Baião realizou uma reunião de trabalho no passado dia 3 de fevereiro, com Luís Roque Pedro, Diretor da Delegação do Porto da Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM).

O objetivo da reunião passou por reivindicar à ANACOM a mediação ou reforço junto dos operadores de telecomunicações, para a melhoria das redes, de modo a colmatar as deficiências ou mesmo falta de cobertura das redes móveis ou fibra ótica no concelho de Baião.

A reunião serviu também para contextualizar o novo Diretor da ANACOM para a Delegação do Porto, relativamente às dificuldades sentidas no território baionense, bem como das medidas que estão a ser projetadas e implementadas a nível nacional e que podem ajudar a resolver alguns dos problemas elencados.

O Presidente da Câmara Municipal de Baião Paulo Pereira referiu que “procuramos reforçar junto da ANACOM, a urgência e pertinência destas reivindicações, não só ao nível da população em geral, como também relativamente aos operadores turísticos, uma vez que felizmente temos assistido a um maior fluxo de pessoas e a um maior número de empreendimentos com taxas de ocupação elevadas. No entanto um dos principais fatores de insatisfação, referido pelos turistas, é exatamente a falta de cobertura de rede móvel.”

E reconhecendo o forte investimento e expansão de rede de fibra ótica que cobre já a maior pare do concelho, vincou “a necessidade premente de levar esta rede a todos aqueles que ainda não a têm, sejam cidadãos, sejam empresas, neste mundo cada vez mais digital e em que este recurso se assume como um importantíssimo fator competitivo”.

O autarca baionense criticou, no entanto, a forma como esta rede foi implementada em certas zonas, sensibilizando o responsável da ANACOM para a cablagem em excesso nos postes e o consequente emaranhado de cabos, uma vez que estes provocam um impacto estético desagradável e condicionam a beleza paisagística em certos pontos do território.

O diretor da Delegação do Porto, Luís Roque Pedro, indicou que “cada vez mais a ANACOM no âmbito das suas áreas de atuação, tem privilegiado as zonas do interior e, por isso, achamos que havia todo o interesse em reunir com a Câmara Municipal de Baião, para que o município na pessoa do Sr. Presidente nos pudesse transmitir em reunião presencial quais os problemas ao nível das comunicações móveis e internet em Baião.”

“Tomamos conta das reivindicações que o Presidente Paulo Pereira nos transmitiu e disponibilizamo-nos para efetuar um estudo de qualidade de redes móveis no concelho brevemente, de forma a termos a noção exata da realidade, nomeadamente em termos de realização de chamadas telefónicas e acesso a dados móveis. Também face ao determinado no leilão 5G e suas obrigações, nomeadamente no que se aplica a esta região, temos a convicção que as comunicações podem melhorar e ir de encontro às necessidades enunciadas pelo município”, acrescentou Luís Roque.

“Em suma, este tipo de contacto de proximidade com a autarquia é essencial, para que consigamos aferir quais são os reais problemas ao nível das comunicações e se os operadores estão a cumprir com as suas obrigações. Comunicações de qualidade, nomeadamente móveis, são um dos fatores que podem potenciar o desenvolvimento de uma região, seja ao nível do turismo ou indústria, mas principalmente tornando possível atender efetivamente às necessidades da população”, concluiu o Diretor da Delegação do Porto da ANACOM.