Procurar
Close this search box.

87.8 e 88.5


















FM

O Dia do Município de Baião distinguiu 31 cidadãos ou associações do concelho

As comemorações do Dia do Município de Baião realizaram-se no passado dia 26 de março após um interregno de dois anos, devido à pandemia por COVID-19. A efeméride foi celebrada presencialmente em Santa Marinha do Zêzere, no espaço “Casarão”.
A celebração do Dia do Município foi instituída pela Câmara Municipal de Baião em 2017 e a data escolhida de acordo com o documento mais antigo onde é referido o termo “Bayan”.
Este trata-se de um diploma datado de 24 de março de 1066 que estabelece a doação de oito “villae” situadas na terra de “Bayan” ao rei Garcia, da Galiza.

No seu discurso o Presidente da Câmara Municipal de Baião, Paulo Pereira, referiu que “neste dia celebramos a comunidade baionense e Baião. No seu sentido mais amplo e nobre. Os que aqui nasceram e valorizaram a nossa terra, os aqui nascidos e que se destacaram noutras paragens, mas também os que adotaram ou sentem Baião como a sua terra… Ou ainda aqueles que foram adotados por Baião. Por uma qualquer muito forte e boa razão!… E assim, porque Baião os escolheu!”

O autarca deixou também uma referência “às individualidades e instituições que, em diversas áreas se destacam ou destacaram no trabalho e ação, muitas vezes de uma vida, assim como recordar pessoas e valorizar as suas ações, perpetuando a memória de feitos com impacto positivo na vida de todos nós. E neles, reconhecemos também a comunidade baionense no seu todo. Exemplar na sua dedicação à terra que tanto amamos.”

O edil baionense enalteceu também “os colaboradores da autarquia que, todos os dias dão o melhor de si pelos nossos munícipes, àquelas pessoas e instituições que em todas as áreas do ativismo social, em todos os momentos da vida dos baionenses se empenham para fazer melhor, todos os dias dão mais um pouquinho de si pelos outros”.

A Câmara Municipal de Baião e a Comissão de Distinções Honoríficas atribuíram nesta edição as distinções que já tinha sido aprovadas em 2020, em conjunto com as referentes ao ano de 2022.
Foram distinguidos um total de 31 cidadãos, ou instituições, pelo seu mérito em diferentes áreas: cultural, empresarial, social e desportiva; foram ainda atribuídas Medalhas de Distinção Profissional ao Serviço do Município para Funcionários da autarquia, no ativo ou aposentados, com 35 ou mais anos de serviço e com mais de 25 anos de ligação à autarquia.

O evento foi animado por atuações musicais da Banda da Casa do Povo de Santa Marinha do Zêzere e da Banda Marcial de Ancede, que interpretaram conjuntamente o “Hino de Baião”, para além de outras peças.

Foi também apresentada, pela primeira vez, uma concertina especialmente construída por Joaquim Nogueira para o Município de Baião. Este cidadão natural de Baião é reconhecido como o primeiro construtor de concertinas do país, tendo atuado em conjunto com o seu filho Ruka Nogueira.