Procurar
Close this search box.

87.8 e 88.5


















FM

Baião: A construção da nova ponte em Anquião-Gestaçô irá arrancar em fevereiro

A obra de reconstrução da ponte sobre o rio Teixeira, em Anquião-Gestaçô, na ligação geográfica entre os concelhos de Baião e Mesão Frio, vai arrancar na segunda quinzena de fevereiro.

De recordar, que a travessia encontra-se interdita ao trânsito automóvel, desde o ano passado, na sequência de um acidente rodoviário que provocou a derrocada da grade de proteção de uma das margens da passagem sobre o rio Teixeira.

A decisão de interdição foi tomada pelos presidentes de Câmara de Baião, Paulo Pereira, e de Mesão Frio, Paulo Silva, na sequência dos resultados apresentados após Vistoria Técnica de Emergência, sobre as condições da estrutura e no sentido de acautelar a segurança de pessoas e bens.

Sendo que se trata de uma obra prioritária, foram agilizados os procedimentos de modo que o processo se desenvolvesse de forma célere, havendo, no entanto, a obrigatoriedade de seguir todos os requisitos implicados no cumprimento de prazos legais.

Tendo sido adjudicada no dia 31 de outubro, verificou-se que, em consequência das condições atmosféricas, das fortes chuvas que se fizeram sentir, o caudal do rio Teixeira subiu de forma considerável, o que, até agora, não permitiu o início dos trabalhos.

Os dois autarcas têm acompanhado de perto o processo desta obra, conscientes do transtorno que a interdição da travessia continua a causar à população. O presidente da Câmara de Baião, Paulo Pereira, garantiu que “tem sido feito tudo o que é possível para que, com a maior brevidade, seja reposta a normalidade da circulação”, assegurou.

O autarca de Mesão Frio, Paulo Silva, adiantou que, em articulação com a Câmara de Baião, “não se tem poupado a esforços no sentido da celeridade do processo”, destacando que foi o reconhecimento da urgência que levou os dois municípios a estabelecerem o acordo para a concretização da obra.

O local da travessia foi visitado no dia 29 de janeiro por técnicos municipais, pelo presidente da Junta de Freguesia de Gestaçô, António Bento e por um responsável da empresa que irá construir a ponte, para avaliação da possibilidade de início da obra, em função do caudal do rio Teixeira, concluindo-se pelo início dos trabalhos durante o mês de fevereiro, caso as condições atmosféricas o permitam.

Os trabalhos a realizar, no valor de cerca de 145 mil euros, consistem na demolição da atual estrutura e na construção de uma nova ponte com 5 metros de largura, o que irá permitir a circulação, em simultâneo, nos dois sentidos. O prazo de execução é de 120 dias.

Todo o processo de construção da nova ponte está a ser conduzido pela Câmara Municipal de Baião, no âmbito do acordo celebrado entre os dois municípios, e no sentido da agilização do processo, sendo que os custos envolvidos na empreitada serão repartidos, em partes iguais, pelos municípios de Baião e de Mesão Frio.