Procurar
Close this search box.

87.8 e 88.5


















FM

Perdas de água no sistema de abastecimento público do concelho do Marco situa-se muito abaixa da média nacional

Muito abaixo da média nacional, que se situa em 27.1%, as perdas de água no sistema de abastecimento público do concelho do Marco de Canaveses em 2023 fixaram-se em 15%, pelo que entre 2019 e 2023, as perdas desceram de 35% para 15%, salienta a autarquia.

Cristina Vieira, Presidente da Câmara Municipal: “Estamos extremamente satisfeitos com estes resultados, que nos colocam entre os melhores concelhos do país na gestão da água. Esta conquista reflete o nosso compromisso com a gestão sustentável dos recursos e também aquilo que foi o virar de página que nos permitiu, desde 2018, ter uma boa colaboração entre o Município e a empresa concessionária do serviço. Uma estratégia que tem trazido enormes benefícios para a população e também, como se comprova, para o meio ambiente”.

A autarquia marcuense dá também nota, das medidas que contribuíram para esta redução, em parceria com a empresa Águas do Marco, nomeadamente a “modernização e renovação das redes de abastecimento, a qualidade das reparações, a prontidão de resposta, a deteção acústica de fugas não visíveis, a gestão adequada de pressões e ar na rede, o balanço hídrico, a monitorização em tempo real, o controlo metrológico e o combate a usos ilícitos”. 

A par destas medidas, a autarquia tem vindo a renovar as infraestruturas, com o intuito de expandir as
rede de abastecimento de água e águas residuais a casas que ainda não tinham acesso aos serviços públicos, o que contribuiu para o aumento das taxas de cobertura, desde 2017, de abastecimento de água de 44% para 58% e de saneamento de 40% para 54%.

Foto: Município do Marco de Canaveses.