Procurar
Close this search box.

87.8 e 88.5


















FM

Profissionais da linha da frente na luta ao COVID-19 já estão a ser testados

Na passada quarta feira, dia 29 de abril foram testados 92 funcionários dos lares baionenses. Foram abrangidos trabalhadores da Santa Casa da Misericórdia de Baião (Campêlo e Santa Marinha do Zêzere), Centro Social de Santa Cruz do Douro e Lar Hotel.

A iniciativa surgiu no âmbito do Programa de Intervenção Preventiva em Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas e Lares Residenciais e do Protocolo de Implementação dos Centros de Triagem assegurados pela Cruz Vermelha Portuguesa. A ação teve a parceria da Câmara Municipal de Baião, como forma de salvaguardar a saúde da população mais vulnerável, e da Unidade de Saúde Pública de Baião.

Muito em breve serão desenvolvidas iniciativas de parceria entre a Câmara Municipal de Baião e o ACES Baixo Tâmega, com a intervenção da Autoridade de Saúde Local, no sentido de serem testados todos os utentes das Estruturas Residenciais para Idosos, forças de proteção civil, forças de segurança do concelho e os cidadãos que recebem apoio domiciliário.

  José Pinho Silva, vereador da Câmara Municipal de Baião, responsável pelo pelouro dos Assuntos Sociais, refere que “a autarquia, para além das diligências anteriores sobre este assunto, interveio junto do Governo de forma a acelerar este procedimento” e, por isso,  vê com bons olhos a iniciativa, considerando que “este é um problema de saúde pública, trabalhado em conjunto com a autoridade de saúde concelhia, que delineou a calendarização dos testes. A Câmara Municipal presta todo o apoio logístico necessário, com a urgência que o assunto merece, de forma a agilizar todo o processo, até porque a Câmara tem interesse em ver toda esta gente testada”. Pinho Silva lembra que “no concelho há várias instituições de solidariedade social que acolhem muitas dezenas de idosos e onde trabalham muitas pessoas, justificando-se, por isso, a realização destes testes”.

Gabriela Saldanha, Delegada de Saúde de Baião, informa que, neste enquadramento “todas as intervenções que estão a ser implementadas e irão ser realizadas no concelho, têm como principal  finalidade conter a expansão da COVID-19 numa população altamente vulnerável, bem como nos profissionais que pela sua atividade se encontram muito mais expostos à doença. As autoridades de Saúde Locais do ACES Baixo Tâmega coordenam e acompanham todo o processo”. A Autoridade de Saúde de Baião informa também que a “a realização dos testes para a COVID-19 no concelho de Baião conta com a participação e apoio das equipas do ADC Marco/Baião e Covid Drive situado no estádio do Marco de Canaveses e que também presta apoio aos utentes de Baião”. Esta infraestrutura está preparada para fazer até 150 testes por dia.

A realização dos testes necessita de marcação prévia, através do Serviço Nacional de Saúde (SNS), e o circuito de colheita demora entre 10 a 15 minutos, não tendo os utentes necessidade de sair do seu automóvel.