(C/Áudio) Cinfães continua a apoiar os médicos de família que exercem no concelho

Ouvir a Notícia

A Câmara Municipal de Cinfães está a atribuir um apoio mensal de 200 euros, a cada médico que venha trabalhar para o concelho e que não tenha habitação própria e permanente no Município, sendo que na última reunião de Câmara, foram aprovados os apoios a mais quatro médicos de família.

Estes apoios foram concedidos ao abrigo do regulamento municipal de apoio à fixação de médicos de família no Concelho através do qual os clínicos abrangidos são contemplados com o incentivo no valor de 200 euros, para comparticipar a aquisição ou arrendamento de habitação ou as despesas de deslocação do local de habitação para a Unidade de Saúde. O apoio é concedido pelo prazo de 3 anos, com possibilidade de prorrogação, por períodos de um ano.

O autarca cinfanense, Armando Mourisco, explica a importância destas medidas para atrair médicos para o concelho.

Os médicos usufruem também de um conjunto de benefícios, nomeadamente, a isenção no pagamento de taxas relativas a licenças de construção, beneficiação e ampliação de casa para habitação própria e permanente, incluindo anexos e garagens e a redução de 30% nas tarifas de água, saneamento, e recolha de resíduos sólidos, em habitação própria ou arrendada, permanente, incidindo sobre os primeiros 10m3 de consumo de água. O acesso gratuito às piscinas municipais, cobertas e descobertas, extensivo aos restantes membros do seu agregado familiar, bem como o acesso gratuito aos espetáculos culturais no Município são outras das regalias concedidas, a par do apoio inicial para o encaminhamento jurídico em processos motivados por factos ocorridos no exercício das suas funções.